Vai ser possível viver o universo de “Breaking Bad” através de realidade virtual

A Sony e o criador da série, Vince Gilligan, estão a desenvolver uma “experiência de realidade virtual” baseada em “Breaking Bad”.

É juntar o sucesso da trama emitida pelo canal AMC às novas tecnologias. A história do professor de química Walter White (Bryan Cranston), que montou numa autocaravana um laboratório de metanfetaminas na companhia de um ex-aluno, Jesse Pinkman (Aaron Paul), para conseguir sustentar a família à beira do colapso poderá ser transformada numa “experiência de realidade virtual”.

É esse o desejo de Vince Gilligan, criador e produtor de “Breaking Bad”, e dos responsáveis da Sony, que se juntaram à equipa de desenvolvimento da PlayStation para trazer a público uma “plataforma completamente nova”.

Shawn Layden, presidente e CEO da Sony Interactive Entertainment America, explicou que não se trata de um jogo nem de uma “extensão” do que já existe, e que esta nova experiência irá obrigar “os realizadores de filmes e de séries a aprender novas disciplinas de forma a contarem as suas histórias num mundo onde os espetadores tenham total liberdade”.

Layden e Gilligan têm apenas duas certezas: esta proposta não chegará ao mercado este ano e a adrenalina emitida no ecrã tradicional estará presente no virtual.

“Breaking Bad” esteve no ar entre 2008 e 2013. Ao longo das suas cinco temporadas venceu 140 prémios, entre eles dois Globos de Ouro e dez Emmy.

TEXTO: Ana Filipe Silveira