A resposta de Scarlett Johansson a quem a critica por dar vida a uma personagem transexual

O nome de Scarlett Johansson está a ser tema de assunto na imprensa pelas críticas que tem recebido na Internet. A atriz norte-americana vai interpretar um transexual.

A informação de que Scarlett Johansson, de 33 anos, irá dar vida a um transexual no cinema foi avançada esta segunda-feira. O filme chama-se “Rub & Tug” e será realizado por Rupert Sanders.

Trata-se de uma obra cinematográfica sobre a vida de Lois Jean Gill, que nasceu mulher mas sempre se assumiu como Dante “Tex” Gill, o homem que tomou conta dos negócios da máfia, em Pittsburgh, durante os anos de 1970.

Assim que a notícia foi avançada pelo site Deadline, as críticas dos internautas começaram a aparecer, afirmando que o papel de um transexual deveria ser interpretado por um ator transsexual e não por uma atriz.

Em resposta a esta onda de comentários negativos, o representante legal de Scarlett Johansson fez chegar, esta terça-feira, à publicação “Bustle” a seguinte declaração: “Falem diretamente com os representantes de Jeffrey Tambor, Jared Leto e Felicity Huffman para obterem comentários”. Uma alusão a intérpretes que já vestiram a pele de personagens transexuais no cinema e em televisão.

TEXTO: Tiago Firmino