Ator de “Star Wars” esteve perto de cometer suicídio. Revolta contra Jar Jar abalou a sua carreira

O ator Ahmed Best, que interpretou a personagem de Jar Jar no universo “Star Wars”, revelou ter pensado no suicídio perante a onda de críticas de que foi alvo.

Já lá vão quase 20 anos e é ainda hoje algo que afeta a carreira do ator. Ahmed Best, o escolhido para interpretar o papel de Jar Jar na segunda trilogia de “Star Wars” (entre 1999 e 2005), não esqueceu a revolta que teve de enfrentar aquando do lançamento do primeiro filme.

Apesar do trabalho e esforço do artista, que tinha na altura 25 anos, o trapalhão e medroso gungan nunca chegou a conquistar o público. Pelo contrário, já que a personagem chegou a ser considerada “a mais odiada” da saga de George Lucas.

Agora, ao recordar os dias difíceis, Best revelou não ter lidado nada bem com a onda de críticas. Recorrendo à rede social Twitter, o ator falou da fase menos boa da sua vida, admitindo ter pensado no suicídio.

“No próximo ano faz 20 anos que enfrentei duras críticas que ainda hoje afetam a minha carreira”, começou por desabafar, na legenda de um registo fotográfico em que surge ao lado do filho.

“Este é o sítio em que quase me suicidei. É difícil falar sobre isso. Eu sobrevivi e agora este menino é a minha recompensa”, revelou, emocionado, o ator e músico de 44 anos.

TEXTO: Soraia Pires