Chuck Norris desiste da carreira por amor. Ator quer cuidar da mulher, em risco de vida

O amor falou, definitivamente, mais alto para Chuck Norris. Ao ver a sua mulher, Gena, em risco de vida, o conhecido ator e praticante de artes marciais norte-americano abdicou da sua carreira para prestar todos os cuidados à sua cara-metade.

Atualmente, o casal vive numa fazenda do Texas, acompanhados dos dois filhos gémeos que têm um comum, Dakota e Danilee, de 16 anos. Assim tem sido nos últimos quatro anos, (ultra)passados com angústia e sofrimento.

Isto porque, de acordo com o que noticia o “Daily Mail”, Gena Norris, de 54 anos, sofre, entre outras doenças, de problemas renais, no estágio um. Um estado de saúde que, acredita o casal, foi provocado por um erro médico, depois de a mulher ter recebido uma injeção, com um componente químico que a terá alegadamente envenenado, momentos antes de realizar duas ressonâncias magnéticas para despiste de Artrite Reumatóide.

Desde aí, o norte-americano, de 77 anos, está afastado da sétima arte. O seu último projeto cinematográfico, o segundo filme da saga “Os Mercenários”, chegou aos espectadores em 2012.

“Abandonei a minha carreira no cinema para me concentrar na Gena. Toda a minha vida, neste momento, está focada em eu mantê-la viva.”
Chuck Norris

“Acredito que esta questão seja muito importante”, acrescentou ainda o ator numa entrevista concedida à revista “Good Health”, citado pelo Daily Mail.

Ainda segundo a mesma publicação britânica, o casal despendeu, em quatro anos, dois milhões de dólares (cerca de 1,7 milhões de euros) para os tratamentos dos sintomas. Um valor de que, acredita Gena Norris, a maior parte das pessoas que possam estar a passar pelo mesmo não dispõem. Por isso, e por sentir “irritante e desolador”, o casal está disposto a tornar esta batalha numa bandeira pública. Tudo por amor.

TEXTO: Dúlio Silva