José Carlos Pereira à N-TV: “Estou feliz com a minha perseverança”

O ator José Carlos Pereira disse, em exclusivo à N-TV, que quer continuar a tentar conciliar a televisão com a Medicina e que ainda não decidiu se vai tirar especialidade.

Foi um parto difícil, mas aí está o tão aguardado curso de Medicina. José Carlos Pereira diz-se “feliz” com o resultado final. “Estou feliz porque era um sonho antigo, como toda a gente sabe, e estou feliz com a minha perseverança”, afirmou à N-TV.

O ator, de 39 anos, utilizou o Instagram para anunciar, na quarta-feira, que já era Mestre em Medicina, tendo concluído o mestrado integrado na Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Nova de Lisboa.

“Mestre em Medicina! A partir de hoje e para o resto da vida serei medico”, escreveu o ator, que tem uma carreira televisiva de 20 anos. À nossa revista, Zeca, como é carinhosamente tratado, diz que quer tentar “enquanto for possível” conciliar as duas profissões.

“É óbvio que sou médico, mas se puder conciliar e aceitar projetos que me sejam apresentados, tentarei”, reforçou o também jurado do programa de imitações “A Tua Cara Não Me É Estranha”, agora exibido aos domingos à noite na TVI.

Apesar de já poder ser considerado médico, José Carlos Pereira ainda não pode exercer, esclareceu, esta quinta-feira, a Ordem dos Médicos à N-TV. “Para exercer Medicina é necessário estar registado na Ordem e fazer a prova nacional de seriação. Nesse ano imediatamente a seguir inicia-se o período de internato, que se chama agora Ano Comum, em que são percorridos vários hospitais ou centros de saúde. Só ao fim desse ano, em que são acompanhados pelos médicos dos serviços, é que têm a chamada autonomia e podem passar a exercer Medicina sozinhos”.

VEJA TAMBÉM:

José Carlos Pereira gozado pela forma como anunciou que é médico. Ator usou imagem editada

TEXTO: Nuno Azinheira