Salvador com “estado de saúde débil” e “a aguardar transplante”, garante fonte clínica à N-TV

Salvador Sobral continua “a aguardar transplante [cardíaco]”, garantiu esta sexta feira uma fonte clínica do Hospital de Santa Cruz, onde o cantor está internado há uma semana. A mesma fonte, porém, reconheceu à N-TV que o seu “estado de saúde é débil”.

Com 27 anos, Salvador Sobral tem uma insuficiência cardíaca que o obriga a um transplante de coração, estando internado nos Cuidados Intensivos, à espera que surja um coração compatível com o seu.

Perante as notícias vindas a lume nos últimos dias de uma degradação do seu estado de saúde, uma fonte clínica do hospital, contactada pela nossa revista digital, preferiu não fazer mais comentários, reconhecendo contudo a debilidade do estado de saúde do intérprete de “Amar pelos Dois”.

Veja aqui o procedimento clínico por que passa um doente que necessita de um transplante cardíaco

A 5 de setembro, Salvador Sobral anunciou no Facebook que faria uma pausa na sua carreira musical para entregar o seu “corpo à ciência”. Depois de ter cancelado vários concertos, o músico que inscreveu, pela primeira vez, o nome de Portugal na galeria de vencedores do Festival Eurovisão da Canção deu o seu último espectáculo no dia 8, nos Jardins do Casino Estoril.

Salvador Sobral está internado há cerca de uma semana no Hospital de Santa Cruz, em Carnaxide, um dos hospitais de referência na área da Cardiologia, onde, por exemplo, o antigo Presidente da República Jorge Sampaio foi submetido a uma intervenção cirúrgica ao coração em julho de 1996, ainda durante o seu primeiro mandato. Em 1999 voltou àquela unidade hospital para nova intervenção e no ano passado foi internado para exames, depois de se ter sentido mal. Sampaio esteve internado em Carnaxide já este mês, em recuperação de uma nova intervenção cirúrgica complexa.

TEXTO: Nuno Azinheira