Sobrinhos da primeira dama da Venezuela condenados a 18 anos de prisão nos EUA

Dois sobrinhos da primeira-dama da Venezuela, Cilia Flores, foram condenados a 18 anos de prisão por tráfico de drogas, por um juiz dos Estados Unidos.

O juiz afirmou que Efrain Campo e o seu primo Francisco Flores não eram “os traficantes de drogas mais astutos que existem”, referindo que estavam envolvidos em algo “acima das suas capacidades”.

O juiz referiu que os dois planearam, em 2015, utilizar as suas ligações políticas para fazerem com que um avião privado carregado de droga fizesse a viagem entre a Venezuela e as Honduras de forma que parecesse legítima.

Efrain Campo, de 31 anos, e o seu primo Francisco Flores, de 33 anos, são sobrinhos da primeira-dama Cilia Flores.

Os dois pediram desculpa pelos seus crimes e manifestaram remorsos antes da leitura da sentença.

TEXTO: Lusa