Meia dúzia de horas depois de ter ajudado a transportar a urna do amigo Zé Pedro, o guitarrista dos Xutos & Pontapés falecido quinta-feira, Tim, vocalista da banda, voltou ao palco, em Portimão. O regresso foi impressionante.

Com os Resistência, banda de que também é vocalista, Tim marcou presença este sábado à noite no Portimão Arena para o concerto comemorativo dos 25 anos do grupo. Ao lado dos restantes companheiros, Tim ajudou a homenagear Zé Pedro, poucas horas depois de, ele próprio, ter ajudado a transportar os restos mortais do guitarrista dos Xutos.

Recorde aqui as imagens do último adeus a Zé Pedro.

Ao longo do concerto, grande parte do qual filmado por Miguel Ângelo, também vocalista da banda, os Resistência revisitaram os seus maiores êxitos, alguns dos quais imortalizados precisamente pelos Xutos & Pontapés.

O momento mais emocionante da noite foi quando, no final, o grupo cantou “Não sou o Único”, um dos temas dos Xutos, despedindo-se do público com a homenagem a Zé Pedro. O público correspondeu com um enorme aplauso e entoou em uníssono o nome do malogrado músico, cremado este sábado no cemitério dos Olivais, em Lisboa.

Zé Pedro morreu quinta-feira em Lisboa, vítima de doença prolongada, depois de a 4 de novembro ter dado o último concerto, no Coliseu dos Recreios. No dia seguinte à sua morte, Tim atualizou a sua foto no Facebook em homenagem ao companheiro que, com ele, fundou os Xutos & Pontapés e 1978.

TEXTO: Nuno Azinheira