Entrevista a Joana Santos: “Sou cantora de duche”

Joana Santos
Fotografias: Instagram Joana Santos

Joana Santos e Paulo Rocha são o casal protagonista de “Amor, Amor”, a nova novela da SIC, a par da dupla Maria João Bastos e Ricardo Pereira. Joana está preparada para cantar.

Em entrevista à N-TV, Joana Santos conta como consegue gerir a representação e o protagonismo em “Amor, Amor” com os filhos pequenos, Ari e Mia. A atriz está de regresso às novelas depois de uma participação especial em “Terra Brava”.

“Houve uma altura em que levava a Mia para as gravações, porque ainda estava a amamentar e tinha que andar comigo por todo o lado”, revela a “Linda” da trama “Amor, Amor”. “Normalmente, faço paragens grandes para estar com a família e regresso outra vez. A família, entretanto, aumentou, estou aqui a trabalhar e tudo se faz. É saudável levar os filhos para o estúdio, porque uma mulher não tem de ser só uma coisa. Dou muita importância à amamentação e poder continuar a fazer isso estando a trabalhar é a melhor coisa”, acrescenta Joana Santos, que vai cantar na novela. “Ela, para já, canta no café ao vivo, mas, se calhar, pode ter ali uma carreira pela frente!”.

É a primeira vez que a artista canta e representa. “Não sou cantora, vou representar uma cantora. Sou cantora de duche, tive aulas de canto, o que foi ótimo para explorar a minha voz e ver até onde consigo ir – o professor disse que não estava nada mal e acho que funciona”.

No início, admite que houve receios: “Quando o Daniel Oliveira me desafiou, pensei que não ia dar, porque não sou cantora. Mas depois pensei que os bombeiros desta novela não precisam de o ser para desempenhar o papel, portanto eu posso muito bem desempenhar o papel. Não vou cantar ao vivo, foi feito em estúdio para nos proteger”.