Chama-se Walter, vive no Texas, nos Estados Unidos, tem quatro patas e uma voz de fazer frente a qualquer tenor. A performance foi gravada e partilhada pela sua dona.

Ao olho de qualquer pessoa parece um cão normal. A única diferença é que nasceu para cantar ópera e não ladrar. No vídeo, Walter surge sozinho dentro do carro e aparentemente descontente com a sua vida de cão.

Enquanto o animal esperava que a dona o viesse buscar ou que entrasse no carro, o patudo “cantava” para espantar os seus males. Nem mesmo quando a dona chegou, desistiu de mostrar os seus dotes…

Veja o episódio insólito no vídeo acima.

TEXTO: Tiago Firmino