Nicole Kidman e o discurso nos Globos de Ouro. Atriz esqueceu-se outra vez dos filhos adotivos

Ao agradecer o Globo de Ouro 2018 de Melhor Atriz em Minissérie, que venceu pelo seu desempenho em “Big Little Lies”, Nicole Kidman não mencionou Connor e Isabella, os dois filhos que adotou com Tom Cruise.

“Eu sou a vencedora da primeira categoria da noite, o que significa que as minhas filhas ainda estão acordadas. Sunny, Faith: amo-vos. Vou levar este [prémio] para vocês, queridas”. Assim começou o discurso da atriz, na cerimónia de entrega dos prémios de televisão, na madrugada da passada segunda-feira. Mas não foi o galardão o motivo para Nicole Kidman ser notícia na imprensa de todo o mundo, mas o facto de apenas mencionar o nome das duas filhas biológicas, ignorando as duas crianças que adotou durante o seu casamento com Tom Cruise, que durou dez anos e terminou em 2001.

Esta não é a primeira vez que Nicole Kidman não se refere a dois dos quatro filhos num discurso, como lhe contámos aqui, e a razão para isso parece ser o afastamento, que, garantiu há dois anos, não foi uma escolha sua.

Numa entrevista à revista “DuJour”, a atriz explicou que o contacto que mantém com Connor e Isabella, atualmente com 24 e 22 anos, é menor do que o que tem com as filhas biológicas. “Eles vivem com o Tom, foi a escolha deles. Adoraria que vivessem comigo, mas que posso fazer?”, disse na altura.

A relação entre mãe e filhos complica-se ainda mais visto que os dois jovens seguiram a religião do pai adotivo, Tom Cruise, a Cientologia. A imprensa internacional adianta ainda que a Igreja da Cientologia virou os filhos de Tom Cruise e Nicole Kidman contra a mãe.

Atacada por várias frentes pelo “esquecimento” que pode ter sido propositado, a atriz recebeu do jornalista do “New York Magazine” Yashar Ali algum apoio. No seu Twitter, o jornalista explicou que há um motivo por detrás deste afastamento. “Ela também não lhes agradeceu na cerimónia dos Emmy. Eu não estou surpreso. Ela divorciou-se de Tom Cruise, a igreja da Cientologia considerou-a uma pessoa supressora e as crianças foram viradas contra ela”, escreveu.

Sunday e Faith, de 9 e 7 anos, respetivamente, são filhas da atriz e do marido, Keith Urban, ambos com 50 anos.

TEXTO: Mafalda Carraxis