Pai de Michael Jackson morre vítima de cancro. Tinha 89 anos

Joe Jackson, pai de Michael Jackson, morreu, esta quarta-feira, aos 89 anos. O empresário estava internado num hospital em Las Vegas, nos Estados Unidos, devido a um cancro terminal.

Depois de ter sido internado na unidade hospitalar, em Los Angeles, no mês de junho, Joe Jackson perdeu a luta que enfrentou durante vários meses contra um cancro terminal no pâncreas. A informação foi avançada pelo TMZ e confirmada pela “People”.

Jermain Jackson, um dos filhos do empresário norte-americano, já tinha revelado ao jornal britânico “Daily Mail” que o patriarca da família se encontrava num estado de saúde “muito frágil” e “sem muito tempo de vida”.

Os últimos dias de vida de Joe Jackson terão sido preenchidos de polémica. Segundo a mesma publicação, o empresário, que antes de ser hospitalizado esteve sob cuidados médicos em sua casa, terá impedido a sua família de o visitar.

Os familiares acabaram por conseguir ver Joe Jackson depois de negociaram durante quatro dias com o seu agente, Charles Coupet.

O empresário norte-americano, também conhecido como “O Velho Joe Jackson”, saltou para as luzes da ribalta depois de ocupar o papel de agente do grupo musical The Jackson 5, composto por Michael Jackson, Randy, Tito, Jackie, Marlon, Jermaine, Milford Hite e Reynaud Jones.

Joe Jackson teve 11 filhos, frutos do seu antigo relacionamento com Katerine Jackson.

TEXTO: Tiago Firmino.