“Só havia salada, frango e água”. Patrice Evra desaconselha jantares em casa de Cristiano Ronaldo

Patrice Evra, que atualmente representa o West Ham, da Premier League, decidiu revelar um episódio que passou durante um jantar em casa de Cristiano Ronaldo no tempo em que jogaram juntos no Manchester United.

Pode parecer contraditório, mas a verdade é que o defesa francês, de 37 anos, aconselha todos aqueles que forem convidados a jantar em casa do melhor jogador do mundo a… recusarem o convite.

“Uma vez convidou-me depois de um treino”, começou por dizer o futebolista em entrevista à ITV Sport, revelando logo de seguida um dos motivos dos seus conselhos: “Eu estava muito cansado e na mesa só havia salada, frango e água, nada de sumos”.

Evra contou ainda que na altura pensou que depois haveria mais comida na mesa, mas isso não aconteceu: “Começámos a comer, pensei que depois haveria mais carne, mas não houve”.

O jogador, que alinhou pela França por 81 ocasiões, desabafou também que ainda não tinha terminado o jantar e Ronaldo já o desafiava para um treino: “Propôs-me que déssemos uns toques e eu disse-lhe que queria acabar de comer”. Ainda assim, não conseguiu que a sua vontade prevalecesse: “Acabámos a dar toques”.

Ainda que em tom de brincadeira, Evra não concluiu a narração do episódio sem voltar a reforçar o conselho: “Por isso, recomendo que não vão comer a casa do Cristiano, ele é mesmo uma máquina. Nunca deixa de treinar”.

Cristiano Ronaldo e Patrice Evra partilharam o mesmo balneário durante quatro épocas, entre 2005 e 2009. Juntos venceram três campeonatos de Inglaterra, uma Liga dos Campeões e um Campeonato do Mundo de clubes.

TEXTO: Duarte Lago