Pedro Soá recorda morte do pai: “Entrar numa morgue e ver o ídolo é duro”

Pedro Soá
Fotografia: Instagram Goucha/TVI

Pedro Soá recordou, esta segunda-feira, 31 de maio, a morte do pai quando tinha 18 anos. O ex-concorrente do “Big Brother – Duplo Impacto” (TVI) lembrou o trauma sofrido quando se deparou com o corpo do pai na morgue.

O também ex-participante do “Big Brother 2020” foi um dos convidados de Manuel Luís Goucha no programa das tardes da estação de Queluz de Baixo “Goucha”. À conversa com o apresentador, o empresário falou sobre o progenitor que perdeu a vida num acidente de viação.

“Foi duro. Um acidente é um choque”, admitiu, referindo que a sua mãe também seguia dentro do carro e foi, prontamente, internada num hospital.

Na altura, o ex-concorrente dos “reality show” da TVI deslocou-se a Espanha para comprovar que era o corpo do pai.

“Para um jovem de 18 anos entrar numa morgue e ver o seu ídolo, o pai, o amigo, é duro. O Pedro Soá que foi até lá morreu ali, a partir daquele momento”, afirmou o empresário.