Seal contra Oprah: “Ela faz parte do problema há décadas”

Seal criticou Oprah Winfrey nas redes sociais, alegando que a apresentadora sabia que o produtor cinematográfico Harvey Weinstein assediava atrizes. Para o cantor britânico, a norte-americana “faz parte do problema há décadas”.

O artista, de 54 anos, fez esta quarta-feira uma publicação que está a gerar polémica. Seal recuperou duas imagens de Oprah Winfrey na companhia do produtor de Hollywood Harvey Weinstein, acusado de assédio sexual por mais uma de centena de mulheres, e criticou a postura da também atriz, produtora e empresária.

“Quando fazes parte do problema há décadas mas de repente todos acham que és a solução”, pode ler-se na publicação de Seal, que foi feita dias depois do discurso proferido por Oprah Winfrey na gala de entrega dos Globos de Ouro, no qual a estrela da televisão dos Estados Unidos se debruçou sobre o tema do assédio e abusos sexuais e pelo qual tem sido bastante elogiada.

Na legenda da mesma publicação, Seal reforça a ideia de que Winfrey sabia aquilo que Weinstein fazia e que nada fez para o denunciar. “Esqueci-me, pois é… Já tinhas ouvido os rumores mas não fazias ideia de que ele atacava jovens atrizes, que não tinham ideia no que se estavam a meter. Culpa minha”, ironizou.

TEXTO: João Farinha